Pesquisar

Ocorreu um erro neste dispositivo

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Desde 2003 a AVT pressiona às prefeituras que contratam grupos como Soziedad Alkoholika, Banda Bassotti, Fermin Muguruza ou Sua Ta Gar alegando que fazem apología do terrorismo. A Associação Vítimas do Terrorismo contacta com as prefeituras que têm planeado contratar a algum destes grupos até que conseguem que se suspendam as actuações. No entanto, nenhum destes grupos musicais nunca tenham sido condenados judicialmente e as querelas da AVT nunca tenham prosperado nesse sentido.
Contra o grupo basco Soziedad Alkoholika a AVT apresentou em 2004 várias querelas ante a Audiência Nacional, acusando-os de incumprir o artigo 578 do Código Penal que castiga com pena de um a dois anos de prisão a quem levem a cabo o "enaltecimento ou justificativa" do terrorismo, bem como aos que levem a cabo acções que suponham "descrédito, menosprecio ou humillación das vítimas dos delitos terroristas ou de seus familiares".

Sem comentários:

Enviar um comentário