Pesquisar

Ocorreu um erro neste dispositivo

quarta-feira, 23 de março de 2011

Rússia receia que intervenção ocidental conduza a "escalada do terrorismo"

A intervenção liderada pelo ocidente na Líbia pode conduzir à escalada do terrorismo internacional, considerou hoje em Argel, Argélia, o chefe da diplomacia da Rússia.


"Se a situação ficar fora de controlo, então teremos de confrontar-nos com novas manifestações de terrorismo internacional e muitos outros desenvolvimentos que gostaríamos de evitar", referiu Sergei Lavrov em conferência de imprensa após conversações com o seu homólogo argelino Mourad Medelci
Os comentários de Lavrov seguem-se a uma aparente divergência entre o primeiro-ministro Vladimir Putin e o Presidente Dmitri Medvedev sobre a posição do Kremlin face aos ataques aéreos.
Na segunda-feira, Medvedev disse que "não considerava errada" a resolução 1973 do Conselho de segurança da ONU, que impôs uma "zona de exclusão aérea" sobre a Líbia, e que registou a abstenção da Rússia. Horas antes, Putin tinha relacionado o início dos ataques à líbia com a invasão norte-americana do Iraque, em 2003 e com "um apelo medieval para uma cruzada".
Nos encontros bilaterais, os dois responsáveis consideraram ainda que o Egipto e a Tunísia se encontram "numa fase de transição democrática" que é desejada pelos dois países.


Fonte: Jornal de Notícias
Data: 22-03-2011

Sem comentários:

Enviar um comentário